Semana de Amor à Vida, na UEM, propõe reflexões sobre o suicídio

O tema 'suicídio', ou 'autoextermínio', ganhou ampla discussão e notoriedade nos últimos meses, sendo amplamente divulgado nas redes sociais e portais de notícia e, assim, despertando a sociedade para a gravidade e complexidade da questão. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos.

Para falar abertamente sobre o problema e tratá-lo com serenidade e amor, a União Espírita Mineira (UEM) vai realizar, ao longo de 2017, quatro eventos intitulados Amor à vida: reflexões sobre o suicídio. O primeiro deles acontecerá entre os dias 8 e 10 de junho, no auditório da Sede Histórica, à rua Guarani, 315, no Centro de Belo Horizonte.

De acordo com a organização do evento, nesta primeira semana serão realizados atos de sensibilização, propondo discussões sobre os motivos que levam um irmão encarnado ao ato suicida. O evento busca esclarecer a comunidade sobre o ato, tão carente de piedade e que traz consequências nefastas, tanto para o suicida quanto para os que fazem parte de seu átomo familiar e social.

A programação contempla palestras e um seminário - aberto ao público - para recepcionistas e atendentes fraternos, organizado pela Equipe do Atendimento Espiritual da UEM - Sede Histórica.

 

NÚMEROS

Segundo dados de 2012 da Organização das Nações Unidas (ONU), o suicídio tem ceifado mais de 800 mil vidas por ano, registradas, e um número estimado de mais de 20 milhões. Esta é a segunda principal causa de morte entre jovens com idade entre 15 e 29 anos. Setenta e cinco por cento dos suicídios ocorrem em países de baixa e média renda. Leia artigo

Em 2016, no dia 10 de setembro, Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) lançou o livro Prevenção da Conduta Suicida, que reúne estratégias para a prevenção do suicídio nas Américas, onde a cada ano ocorrem cerca de 65 mil mortes evitáveis por esse motivo.

 

PROGRAMAÇÃO (junho) - Amor à vida: reflexões sobre o suicídio

 

08/06 - Quinta-feira

- 19h30 às 20h30: Palestra - Suicídio: mitos e verdades (Fernando Rizzato)

 

09/06 - Sexta-feira

- 15h às 16h: Palestra - Obsessão e suicídio (Juselma Maria Coelho)

- 19h30 às 20h30: Palestra - O ato suicida à luz da Doutrina Espírita: motivos e penalidades (Waldemar Krepke)

 

10/06 - Sábado

- 15h às 18h: Seminário - Recepção e Atendimento Fraterno especializado: Suicídio (Equipe do Atendimento Espiritual da UEM - Sede Histórica)