Música e reflexão celebram 85 anos de Parnaso de Além-Túmulo na UEM

 

Parnaso de Além-Túmulo é o livro que marca o início do percurso psicográfico de Francisco Cândido Xavier. Ao longo de 75 anos de trabalho, o médium apresentou mais de 400 obras, que foram responsáveis por divulgar o Espiritismo nos âmbitos nacional e internacional. Hoje, o Brasil é o país com o maior número de espíritas: mais de 3,8 milhões.

Mas, como já diz o ditado, toda caminhada começa com o primeiro passo, e o livro Parnaso de Além-Túmulo, lançado em 9 de julho de 1932 pela Federação Espírita Brasileira (FEB), trouxe provas da imortalidade do espírito ao apresentar mais de 200 poemas ditados por 56 consagrados poetas brasileiros e portugueses já desencarnados.

E nos perguntamos por que o trabalho psicográfico de Chico Xavier inicia-se com um livro de poesias? De acordo com o conselheiro e ex-presidente da UEM, Marival Veloso de Matos, “a poesia tem como principal característica ser uma mensagem elaborada e inovadora, e a falsificação ou reprodução de estilo é muito difícil. Assim, fica evidente a comprovação de autoria de cada autor espiritual”.

A este respeito é o próprio médium quem esclarece no prefácio do livro:

“Serão das personalidades que as assinam? — é o que não posso afiançar. O que posso afirmar, categoricamente, é que, em consciência, não posso dizer que são minhas, porque não despendi nenhum esforço intelectual ao grafá-­las no papel. A sensação que sempre senti, ao escrevê-­las, era a de que vigorosa mão impulsionava a minha. Doutras vezes, parecia-­me ter em frente um volume imaterial, onde eu as lia e copiava; e, doutras, que alguém mas ditava aos ouvidos (...)”

Marival Veloso aponta, ainda, uma curiosa motivação sobre o lançamento de Parnaso como primeira obra. "É preciso lembrar que mais de um terço do Antigo Testamento é composto de poesia, sendo os salmos exemplos mais conhecidos. Essa era a cultura do povo hebreu, na qual Jesus escolheu para trazer sua mensagem. Assim, primeira e segunda revelações nos mostram uma forte ligação com a poesia mostrando que o Parnaso está em consonância com a mensagem do Cristo”, apontou.

Talvez 85 anos seja um curto tempo para compreendermos a amplitude das mensagens de Parnaso de Além-Túmulo, mas, Chico afirma, no prefácio do livro, com sua humildade e seu compromisso com a verdade:

“Terei feito compreender, a quem me lê, a verdade como de fato ela é? Creio que não. Em alguns despertarei sentimentos de piedade e, noutros, risinhos ridiculizadores. Há de haver, porém, alguém que encontre consolação nestas páginas humildes. Um desses que haja, entre mil dos primeiros, e dou-me por compensado do meu trabalho.”

 

Homenagem e comemorações

Para celebrar os 85 anos do livro Parnaso de Além-Túmulo, a União Espírita Mineira realizou evento comemorativo em sua Sede Federativa, em Belo Horizonte, no último dia 08/07. A noite, cheia de poesia e aprendizado, contou com apresentação musical de Tim e Vanessa cantando versos musicados de poemas do Parnaso, como “Ouve o teu coração em cada prece. Deus responde em ti mesmo e te esclarece. Com a força eterna da consolação” (Mensagem Fraterna, assinada por Auta de Souza). A dupla também homenageou a obra com sua canção “Parnaso de Além-Túmulo”.

As boas vindas aos presentes ficou por conta do diretor da UEM, Décio Araújo Filho, que. na oportunidade. representou o presidente da Instituição, Henrique Kemper. A palestra da noite foi ministrada pelo conselheiro e ex-presidente da UEM, Marival Veloso de Matos. Na ocasião, foi realizada a primeira transmissão ao vivo pela fanpage da UEM no Facebook.

 

Por dentro de Parnaso de Além-Túmulo

Faça o DOWNLOAD dos primeiros trechos do livro, com prefácio e biografia, CLICANDO AQUI.

Parnaso de Além-Túmulo também está disponível para a venda naLivraria Espírita Mineira.